Linguagens do Amor - Palavras de Afirmação

 

MAMAE GIRAFA PALAVRAS DE AFIRMACAO-03.07_HORIZ

 

As crianças acreditam em tudo o que os adultos dizem a respeito delas, assim vão interiorizando a imagem que os outros fazem como uma referência de imagem de si mesma. Sua autoestima começa a ser formada a partir dessas referências dos outros. 

Quando a criança necessita de palavras e expressões verbais de amor para se confortar e se sentir amada, é porque ela tem como preferência a linguagem da palavra de afirmação. Elas pensam que acreditamos piamente em tudo o que dizemos.

As palavras são poderosos meios de expressão do amor. 

A linguagem pode fazer florescer uma vida ou até mesmo acabar com ela. 

Nesses casos é importante aos pais e cuidadores estarem atentos às situações e reforçarem os comportamentos positivos com ênfase nas palavras que escolhem se expressarem. Eles precisam mais do que apenas um: Eu te amo!

A linguagem acompanhada de uma voz serena e amável, um toque no braço, um olhar amoroso e na pausa de uma leitura a noite, dizer: -"Eu te amo, meu filho", é muito mais do que um simples, eu te amo!

Elogios sinceros e palavras de afirmação a algo que ele fez ou ainda irá fazer, reforça a capacidade e esforço dele.

O elogio correto é fundamental. Eu devo elogiar as atitudes das crianças, o que elas fazem. Muito cuidado para não elogiar como se ela sempre fosse perfeita, tipo:

“-Você é a melhor de todas sempre, minha filha! ” São palavras carinhosas, mas já estão dizendo à ela que você espera que ela sempre seja a melhor.

Ao invés disso, elogie o que ela fez: “-Que maravilhoso o seu desempenho na prova, fiquei feliz pela sua aprovação. ”

Elogios devem estar relacionados aos atos, comportamentos e conquistas, não aos aspectos pessoais da pessoa, como: beleza e inteligência. Exemplos: ”-Você é a mais bela de todas da sua classe! ”, “-Você sempre foi a mais inteligente! ”

 

Elogie algo sobre o que a criança terá controle, pelo que ela faz, pelo que depende do esforço dela.

Se o seu filho tem esse tipo de linguagem como predominante, tenha muito cuidado para não fazer o contrário e usar palavras de condenação, pois vai magoá-lo muito. Ele pode guardar palavras duras e ofensivas por um longo período.

Caso você o ofenda, procure se desculpar sem demora, usando palavras firmes, mas com gentileza. 

O encorajamento é uma ação fundamental que os pais precisam adotar na relação diária e depende de palavras de coragem.

Encorajar nossos filhos desde pequenos é tão importante quanto a alimentação. O encorajamento alimenta a nossa resistência e coragem de prosseguir, através da linguagem correta.

Quando nos sentimos encorajados, temos mais capacidade de encorajar nossos filhos, portanto é muito importante cuidarmos da nossa saúde física, mental, emocional e espiritual.

O maior inimigo que nos impede de encorajar nossos filhos é a ira. Quanto mais raiva tivermos em nosso coração, mais ela é descarregada sobre nossos filhos, resultando assim, em crianças arredias, que se afastam e se voltam contra nós.

Mesmo quando irritados, é preciso mantermos o controle tanto da nossa voz como do filtro nas palavras que vamos escolher para expressar as nossas necessidades.

Falar de maneira calma é uma questão de treino e todos podemos nos regular.

Surpreenda o seu filho quando ele menos espera, enquanto realiza uma atividade, o elogie por aquilo. Você o estará guiando para os caminhos da moral e da ética.

As crianças necessitam de orientação para a vida e a família é a responsável pelas influências e pela forma como aprendem a se comportar perante a sociedade, e isso envolve tanto a socialização como o desenvolvimento moral e ético delas.

Se vocês, pais, não forem os principais influenciadores na vida deles, outras pessoas serão, a mídia será, a cultura, professores ou outros colegas.

Nada contra admirar outras pessoas, mas a relação familiar é a base de tudo.

Façam a pergunta: Meus filhos estão recebendo a orientação positiva e amorosa?

Vamos continuar no próximo texto!

 

Abraços de Girafa!

 

Ana Cláudia Favano

Psicóloga, Pedagoga e Educadora Parental

Gestora da Escola internacional de Alphaville

 

Se a Linguagem do amor do seu filho for Palavras de Afirmação, veja a lista de sugestões.

 

PaginasBlog_Frente-1

 

  

Tópicos ESCOLA BILÍNGUE, ALPHAVILLE, EDUCAÇÃO INFANTIL

Picture of Ana Cláudia Favano
Ana Cláudia Favano
Gestora da Escola Internacional de Alphaville. Psicóloga, Pedagoga, Educadora Parental pela PDA/USA. Atuação em Psicologia da Moralidade, Psicologia Positiva, Formação Ética. Dedicada à leitura, interessada por questões políticas, mobilizada grande parte de sua energia para contribuir com a formação de gerações comprometidas e responsáveis.